Total de visualizações de página

segunda-feira, 23 de outubro de 2017

15º SALIMP - Acadêmico José Herênio lança livro sobre Imperatriz

O relato do escritor antecede 1852, ano de fundação a Vila Santa Teresa
           

            
            Domingos Cezar

            Residente no Rio de Janeiro (RJ), o piloto de aviação aposentando, imperatrizense José Herênio de Souza, membro titular da Cadeira 15, da Academia Imperatrizense de Letras – AIL, já se encontra na cidade para a solenidade de lançamento de seu novo livro “Imperatriz, Nossa Avozinha”, que tem o prefácio da acadêmica Liratelma Cerqueira.

            O evento literário acontecerá no próximo dia 28, às 19h00, no Café Literário do Salão do Livro de Imperatriz – SALIMP e no Stand da AIL. Em sua obra, José Herênio faz relatos que antecedem 1952, ano de fundação da Vila Santa Teresa, que mais tarde passou a denominar-se de Imperatriz, em homenagem à imperatriz Tereza Cristina.

            Na orelha do livro, o advogado e acadêmico Agostinho Noleto Soares observa que, “os bons leitores devem lançar suas vistas sobre o passado narrado, e julgar a mensagem contida o texto, de preferência sublimando-a, tanto quando fez José Herênio de Souza na avaliação histórica de sua querida Imperatriz”.

            Na tarde da última quinta-feira (19), José Herênio compareceu à reunião ordinária da AIL, aonde foi recebido carinhosamente por seus confrades e confreiras. Herênio, de tradicional família de Imperatriz, é o decano da Academia de Letras, e aos 90 anos de idade escreve, discursa com uma lucidez que atrai a atenção de leitores e ouvintes.

            Na ocasião, ele fez breve comentário de sua nova obra, a qual, segundo ele é fruto do incentivo do editor Adalberto Franklin, falecido este ano, razão porque será homenageado como patrono do 15º Salão do Livro de Imperatriz – SALIMP.

            No livro, José Herênio faz referência à vivência nesta cidade do religioso baiano, Frei Manoel Procópio, e destaca a figura da poderosa Maria Pastora, fazendeira e dona de escravos à época. Faz relatos históricos da implantação da primeira igreja (católica), matadouro e cemitério. Um livro que servirá de pesquisas aos estudantes de todos os níveis.

Nenhum comentário:

Postar um comentário